Lembranças de Vinicius de Moraes

Rememoram-se 40 anos de falecimento de Vinicius de Moraes (19 de outubro de 1913 a 9 de julho de 1980), porém ele continua vivo no imaginário social, na diplomacia, na dramaturgia, na poesia, no canto e na composição, só para dizer alguns dos seus talentos. (Prof. Jorge Queiroz)

Últimas Notícias

Eleições 2020 – Duplo Interesse

Grupos mandatários da gestão atual fazem pedidos para o adiantamento das eleições, enquanto que os de oposição não abre mão das eleições este ano. Com razão, tem administração insuportável e prorrogar esse martírio da população não é justo.

Pandemia e educação

O novo coronavírus, motivo da pandemia global, altera a vida das pessoas, em âmbito individual e profissional, a exemplo da alteração que ocorre na educação do ensino básico. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Sergio Moro em três momentos

Enumero três momentos da vida de Sergio Fernando Moro, natural de Maringá - PR (10 de agosto de 1972), ex-ministro da Justiça, ex-magistrado, professor universitário. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Massacre do Centro Cívico completa cinco anos

Aos 29 de abril de 2015, educadores (as) do ensino básico e universitários (as) estaduais e estudantes, em greve, repudiavam o Projeto de Lei 252/2015, encaminhado por Beto Richa, ex-governador do Paraná (janeiro de 2011 a abril de 2018) e réu em ações por inúmeros crimes, à Assembleia Legislativa, que alterou a ParanaPrevidência. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Galeria de fotos


Notícias

Calculando a Taxa de Juros - Série Qualificação - Excel 2010

Calculando a Taxa de Juros - Função Taxa - Excel 2010As taxas de juros que geralmente assusta nós pobres mortais, para os especialistas ela apenas corresponde à média aritmética pelos valores de operações contratadas. Segundo esses especialistas, essas taxas de juros representam o custo efetivo de operações de crédito, composto pelos índices efetivamente praticados pelas instituições financeiras em suas operações de financiamentos, entre outros encargos incidentes numa operação deste porte.

Portanto, os índices variam de acordo com as instituições e as modalidades contratadas. Desta maneira, taxas de juros variam de acordo com o mercado do momento, tais como o "valor e a qualidade das garantias apresentadas na operação, a proporção do pagamento de entrada da operação", pois depende das circunstâncias em que se está concluído a operação de crédito.

As instituições não relacionadas nas tabelas não operaram nas respectivas modalidades nos períodos referidos ou não prestaram informações ao Banco Central do Brasil.

O Banco Central do Brasil declara em seu site institucional, de que "não assume nenhuma responsabilidade por defasagem, erro ou outra deficiência em informações prestadas para fins de apuração das taxas médias apresentadas (...), cujas fontes sejam externas a esta instituição, bem como por quaisquer perdas ou danos decorrentes de seu uso". Cabe aqui, então, a expressão, que todos de antemão deve conhecer o "risco de mercado".

Entretanto, propusemos através do livro "12 Passos Para Você Dominar uma Planilha Financeira" esmiuçar algumas dessas operações. Dentre outro, nesta publicação iremos abordar a Função Taxa, essencial para se determinar uma TAXA dentro de uma operação de cálculos no Excel 2010.

FUNÇÃO TAXA - retorna a taxa de juros por período determinado. A TAXA é calculada por iteração e pode ter zero ou mais. Se os resultados sucessivos de TAXA não convergirem para 0,0000001 depois de 20 iterações, TAXA retornará o valor de erro #NÚM!.

Sintaxe: TAXA(NPER, PGTO, VP, [VF], [TIPO], [ESTIMATIVA])

A sintaxe da função TAXA apresenta os seguintes argumentos:

Nper  - Obrigatório. É preciso especificar o número total de parcelas de pagamento.

Pgto - Obrigatório. Se pgto for omitido, você deverá incluir o argumento VF.

Vp  Obrigatório. O valor presente - o valor total correspondente ao valor atual de uma série de pagamentos futuros.

Vf - Opcional. Mas se pode especificar o valor que se deseja obter depois do último pagamento.

Tipo - Opcional.

Estimativa  - Opcional. Se se omitir estimativa, este argumento será considerado 10%. Se a TAXA não convergir, atribua valores diferentes para estimativa. Em geral, TAXA converge se estimativa estiver entre 0 e 1.

PRATICANDO

Neste exemplo, vamos determinar a taxa de juros mensal que está sendo praticada para a seguinte situação. Um determinado cliente tomou emprestado R$-5.000 e o credor de antemão já determinou que gostaria de receber R$-6.000 em 7 parcelas. Portanto, o tomador do empréstimo deseja saber qual foi à taxa de juros praticada.

Função Taxa - Excel 2010




Para tanto, na célula C2 digite a seguinte fórmula: =TAXA(E2;;A2;B2), em seguida, digite Enter.

Função Taxa - Excel 2010

Neste caso, a taxa de juros praticada foi de 3% ao mês. Caso queira refaça o exemplo para aplicar as fórmulas utilizando o recurso de assistente de função.

Função Taxa - Excel 2010


 

+ noticias

Imagens

Função Taxa



ENDEREÇO

Um Jeito Novo de Informar | Centro
87230000 | Jussara
SUPORTE