Lembranças de Vinicius de Moraes

Rememoram-se 40 anos de falecimento de Vinicius de Moraes (19 de outubro de 1913 a 9 de julho de 1980), porém ele continua vivo no imaginário social, na diplomacia, na dramaturgia, na poesia, no canto e na composição, só para dizer alguns dos seus talentos. (Prof. Jorge Queiroz)

Últimas Notícias

Eleições 2020 – Duplo Interesse

Grupos mandatários da gestão atual fazem pedidos para o adiantamento das eleições, enquanto que os de oposição não abre mão das eleições este ano. Com razão, tem administração insuportável e prorrogar esse martírio da população não é justo.

Pandemia e educação

O novo coronavírus, motivo da pandemia global, altera a vida das pessoas, em âmbito individual e profissional, a exemplo da alteração que ocorre na educação do ensino básico. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Sergio Moro em três momentos

Enumero três momentos da vida de Sergio Fernando Moro, natural de Maringá - PR (10 de agosto de 1972), ex-ministro da Justiça, ex-magistrado, professor universitário. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Massacre do Centro Cívico completa cinco anos

Aos 29 de abril de 2015, educadores (as) do ensino básico e universitários (as) estaduais e estudantes, em greve, repudiavam o Projeto de Lei 252/2015, encaminhado por Beto Richa, ex-governador do Paraná (janeiro de 2011 a abril de 2018) e réu em ações por inúmeros crimes, à Assembleia Legislativa, que alterou a ParanaPrevidência. (Texto Prof. Jorge Queiroz)

Galeria de fotos


Notícias

Chineses e Chinesas de Curitiba: vidas de dificuldades e superações

Jorge Antonio de Queiroz e Silva

O cotidiano nos coloca ao lado de pessoas brasileiras e de várias outras nacionalidades. Utilizamos ônibus, aviões, táxis, motos, bicicletas como os demais. Atravessamos as mesmas ruas, vamos a festejos comuns, bancos, igrejas, praças. Observamos características físicas das pessoas, seu modo de andar, falar, sorrir, sua língua e sua forma de se comunicar sem, talvez, nos darmos conta das riquezas das tradições de cada povo.

Quando cheguei a Curitiba, em 1984, já cultivava uma admiração pela cultura chinesa. Os livros e os documentários eram as únicas referências. Os contatos pessoais eram raros. Na contemporaneidade, embora a visibilidade de chineses e chinesas tenham aumentado, ainda faltava um estudo mais aprofundado de sua presença em Curitiba. O trabalho de Rubens Fontoura vem para solucionar a minha carência e a carência de milhares de pessoas. Cultura e a longa marcha de chineses e chinesas até Curitiba é um presente, pois permite conhecer uma parte da história do mundo que, a partir de Curitiba, segue para o mundo novamente.

O livro permite conhecer não só as dificuldades dos chineses e das chinesas em suas terras natais, mas também sua superação e as peripécias ocorridas na capital paranaense e como foram superadas. Se em diversas entrevistas foram relatadas situações curiosas e até as estratégias que precisaram ser desenvolvidas para combater os preconceitos iniciais, em outras, são descritas como se realizaram as conquistas pessoais e comunitárias, responsáveis pela sua felicidade, sempre em crescimento.

Muito prazer em conhecer pessoas tão comunicativas de Hebei, Hong Kong, Xangai, Taiwan e Moçambique, que possibilitaram ao desembargador Rubens Fontoura escrever um livro que une teoria e realidade e se torna de grande importância para a cidade, o Estado, o Brasil e, quem sabe, até para as localidades de onde vieram. É a história de pessoas que ensinam a vencer os medos, não de modo isolado, mas em conjunto, congregando-se em famílias, igrejas, associações, instituições educacionais e buscando a amizade de brasileiros e brasileiras em Curitiba.

Pode-se dizer, com certeza, que a beleza de Curitiba não seria a mesma sem os diversos coloridos da presença de chineses e chinesas, tão bem apresentados por Rubens Fontoura nas páginas deste livro.

P.S. Agradeço ao Rubens Fontoura a oportunidade de prefaciar o seu livro.

Jorge Antonio de Queiroz e Silva, historiador, palestrante, pesquisador. Membro efetivo do Instituto Histórico e Geográfico do Paraná.

+ noticias

Imagens

Chineses



ENDEREÇO

Um Jeito Novo de Informar | Centro
87230000 | Jussara
SUPORTE